sexo e revolução na cidade

[só o título é que é meu.
é favor pedir faturas
ou churros.]

É preciso agir
é preciso foder
isto é etimologicamente
cavar
na cidade
é por vezes
tão difícil foder
como cavar
mas mando quinze tampas
de iogurte Longa Vida
natural
para o Apartado 4450
e plantam-me
uma alfarrobeira
na Arrábida

Adília Lopes,  1999

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

2 respostas a sexo e revolução na cidade

  1. pmramires diz:

    ontem tinha tudo acertado para ir aí. não deu mas não foi culpa minha, juro.

    • pedro a. leitão diz:

      eu é que devia dar um salto à Póvoa. preciso de tirar férias do Porto, nem que seja por uma tarde ou noite.. ainda te vejo primeiro aí que tu a mim aqui.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s